Bem Vindo ao Blog do Professordesiderio

terça-feira, 11 janeiro, 2011

Anúncios

Félix aumenta disputa na base e diz que PDT quer vaga na majoritária em 2018

terça-feira, 17 outubro, 2017

Félix aumenta disputa na base e diz que PDT quer vaga na majoritária em 2018

Foto: Agência Câmara

O presidente do PDT na Bahia, deputado federal Félix Mendonça Júnior, engrossou o coro dos partidos da base aliada que querem lugar na chapa majoritária da eventual candidatura à reeleição do governador Rui Costa (PT) em 2018. Nesta segunda-feira (16), ele reivindicou uma vaga para a sigla. “O PDT é um grande partido e tem uma história de luta exemplar na política do país”, afirmou. Félix não chegou a citar possíveis nomes, mas movimentos populares ligados à legenda manifestaram apoio ao posicionamento e sugerindo figuras para a vaga. Entre os citados, estão o próprio deputado, o diretor-geral do Instituto Anísio Teixeira, Desidério Bispo de Melo, e o sociólogo Joviniano Neto. Além do PDT, disputam espaço na majoritária PSB, PSD, PR, PCdoB, PP e o próprio PT. No entanto, há muito postulante para pouca vaga. Na majoritária, só há espaço para três, além do próprio Rui: um candidato a vice e dois ao Senado. Nos bastidores, especula-se que as cartas já estão marcadas: João Leão (PP) continuaria com a vaga de vice, enquanto uma para o Senado estaria assegurada ao ex-governador Jaques Wagner e a última seria indicada pelo PSD.

Bahia Noticias


Cartilha orienta professores e gestores sobre a aplicação da Prova Brasil

segunda-feira, 16 outubro, 2017

  Os professores e gestores escolares já podem acessar a Cartilha do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (SAEB). O material, publicado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), contém orientações sobre a aplicação e sobre a importância da Prova SAEB, também conhecida como Prova Brasil, para as escolas.

As provas serão realizadas em um único dia nas escolas, no período de 23 de outubro a 1º de novembro, conforme agendamento prévio feito pela empresa responsável pela aplicação. Esta avaliação é fundamental para o replanejamento de ações pedagógicas, visando a melhoria dos processos de ensino e de aprendizagens.

A avaliação inclui estudantes do 5º e 9º anos do Ensino Fundamental, da 3ª  série do Ensino Médio e da 4ª série da Educação Profissional, contemplando as escolas públicas das zonas urbanas e rurais. A superintendente de Gestão da Informação da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, Cristiane Ferreira, afirma que a avaliação do SAEB contribui para a obtenção de um diagnóstico da Educação Básica, que também subsidiará a formulação, reformulação e o monitoramento das políticas públicas nas esferas municipal, estadual e federal.

Neste sentido, ela chama a atenção para o envolvimento dos professores e dos estudantes de modo a qualificar o resultado. “O objetivo não é reprovar ou aprovar o aluno, mas obter um diagnóstico sobre o que os estudantes aprenderam em Língua Portuguesa e Matemática, durante os anos de estudo. É muito importante a participação de todos os professores neste trabalho de sensibilização junto aos estudantes da rede, para que eles façam a prova de forma mais consciente e responsável”, afirma Cristiane Ferreira, ao acrescentar que as famílias também têm um papel fundamental no sentido de estimular os filhos a participarem deste processo.

As avaliações irão testar conteúdos ligados à leitura e interpretação de textos diversos (charges, piadas, tirinhas, contos, crônicas, cartas, fábulas, poemas, propagandas), no caso de Língua Portuguesa, e questões voltadas aos temas espaço e forma; grandezas e medidas; número e operações/álgebra e funções; e tratamento da informação, no caso de Matemática.

 

>> Saiba mais detalhes sobre a Prova Brasil


Com Ciro, PDT reúne lideranças de sete partidos em Convenção no Piauí

segunda-feira, 16 outubro, 2017
Comunicação do PDT Nacional/ Ascom deputado Flávio Nogueira10/10/2017

A Convenção do PDT do Piauí, realizada na terça (10), em Teresina, reuniu lideranças de sete partidos políticos que estabeleceram um debate democrático acerca de encontrar soluções para o Brasil. Liderados pelo presidenciável pedetista Ciro Gomes, líderes do PT, PP, PSB, PSDB, PCdoB, PSD e PMDB marcaram presença no encontro, que reconduziu o deputado Flávio Nogueira à presidência estadual do PDT.

O governador Wellington Dias (PT), a vice-governadora Margarete Coelho (PP), o ex-governador do estado Wilson Martins (PSB) e o prefeito do município de Regeneração, Hermes Teixeira, estão entre os líderes partidários que estiveram presentes na Convenção pedetista.

Para Ciro, a reunião mostrou a disposição para o diálogo, algo que, segundo ele, se perdeu há muito tempo no País. “Foi uma linda demonstração de que o Brasil pode unir partidos diferentes, de matizes ideológicas distintas, rivais nacionalmente ou até mesmo regionalmente, em um mesmo ambiente com o objetivo único de pensar e propor soluções o País”, destacou o presidenciável.

Ciro também fez uma saudação especial ao presidente Flávio Nogueira que, segundo o presidenciável, tem conduzido o partido de forma magistral, e destacou o desenvolvimento do PDT no Piauí.

“Devemos apresentar candidaturas próprias ao governo, mas não há camisa de força, não há precedente na história brasileira de que você, fazendo aliança nacional, ela se replique igualzinha em todo canto. Cada lugar tem sua manha, cultura e é preciso ter respeito, paciência e tolerância com tudo isso”, avaliou.

Já Flávio Nogueira reiterou e destacou que o PDT é desenvolvimento e que isso a marca o partido. “Ciro Gomes está mostrando ao Brasil inteiro seu projeto de desenvolvimento, isso faz parte da doutrina do PDT e cabe a nós pedetistas prestigiar a Convenção Estadual. A estratégia é estar dando palestras, conversando com profissionais liberais, estudantes, professores e mais na frente ver o crescimento do percentual”, frisou.

Também estiveram presentes na Convenção o presidente da Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini e secretário-geral o PDT, Manoel Dias, os deputados estaduais Ziza Carvalho, Flávio Nogueira Júnior e Robert Rios, o prefeito de Palmeiras, Reginaldo Júnior, vice Prefeito de Palmeirais PDT Jânio César.

http://www.pdt.org.br


Todo profissional tem compromisso e compromissos

domingo, 15 outubro, 2017

Prof. Desiderio

Naturalmente que todos os trabalhadores profissionais têm compromissos. Aquele a quem se homenageia no dia de hoje também. Dentre eles formar outros profissionais, inclusive formar novos professores.

As dimensões desses compromissos precisam ser debatidas e melhor compreendidas pela sociedade e pelas autoridades responsáveis pelos planos de educação nos três níveis: nacional, estadual e municipal. Pelo menos, os mais importantes deve ser objeto de reflexão permanente.

O ensino é um trabalho exigente, estressante, em certos momentos, e complexo. No entanto, esses são precisamente os fatores que fazem da Profissão um trabalho atrativo para aqueles indivíduos que se sentem envolvidos com o mundo da educação. Pode-se falar de duas grandes dimensões do compromisso: a pessoal e que traduzimos por compromisso em ação.(Leanne Crosswell, 2006).

A dimensão pessoal se constitui principalmente dos fatores particulares associados ao professor: as atitudes próprias e as motivações dos docentes de forma individual, assim como suas experiências pessoais, suas ideologias e suas convicções. Além disso, relaciona-se com outros aspectos característicos, como o tempo e a energia que um individuo dispõe para investir na sua profissão. Duas categorias podem ser conectadas com a dimensão pessoal, que são o compromisso do professor como uma paixão pelo seu trabalho e o compromisso do professor como um investimento do seu tempo extra.

A dimensão social, ideológica e política faz parte do compromisso pessoal e do compromisso em ação, além de, em alguns casos, atuar como ponte entre ambos. É evidente que nem todos os professores manifestam interesse político, ainda que a maioria demonstre uma preocupação social e uma base ideológica relacionada a algum aspecto da educação.

Finalizando, social e politicamente falando, todas as mudanças sofridas por esse grupo, não podem ocorrer a sua revelia. Muito menos as mudanças legislativas, que na atual conjuntura política estão sendo editadas sem dialogo e consenso suficiente.

Subestimar o professor pode ser comum entre setores da sociedade. Contudo, para o poder público cometer o mesmo erro, pode ser no mínimo fatal. Erro grave, que sem dúvida, pode comprometer o futuro de gerações.

Saudando a todos os professores e professoras no seu dia, em especial aos da rede estadual de ensino do estado da Bahia, renovo os meus votos de dias melhores.

Desiderio Bispo de Melo

Professor e Diretor Geral do Instituto Anísio Teixeira

Email: Desiderio.melo@educacao.ba.gov.br


Santuário Nacional de Aparecida: 300 anos de fé (V) – Sob a bênção dos Papas

quinta-feira, 12 outubro, 2017

Jornal do Brasil

 

No dia 12 o Festival da Padroeira reúne nomes como Daniel, Michel Teló, Fafá de Belém, Chitãozinho e Xororó, Alcione, Paula Fernandes, Renato Teixeira, Elba Ramalho, Preta Gil, Agnaldo Rayol, Joana e pe. Fábio de Melo, para fechar as festividades dos 300 anos da Mãe Aparecida.

O arranjo para cada uma das músicas foi preparado pelo diretor artístico e musical do Festival da Padroeira, Ruriá Duprat.

Uma grande estrutura foi montada para abrigar os shows e duas missas campais que irão receber os devotos de Nossa Senhora ao longo da semana.

Papas

Em 16 de julho de 1929, o Papa Pio XI decretou oficialmente a padroeira do Brasil Nossa Senhora Aparecida. Dois anos depois, o então presidente Getúlio Vargas reafirmou o título. Na ocasião do anúncio estiveram presentes Dr. Aloísio Masela, autoridades civis e militares.

Na foto de 1931, a celebração de Aparecida como Padroeira do Brasil
Na foto de 1931, a celebração de Aparecida como Padroeira do Brasil

A festa da Padroeira do Brasil já foi celebrada em diversas datas: dia da imaculada Conceição no dia 8 de dezembro, 5º domingo após a Páscoa, 1º domingo de maio (mês de Maria) e 7 de setembro (Dia da Pátria).

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em sua assembleia geral em 1953, determinou que a festa fosse celebrada definitivamente no dia 12 de outubro, por uma associação com a data de descobrimento da América, comemoração do Dia da Criança, e por ser outubro o mês do encontro da imagem da Santa, no rio Paraíba do Sul, em 1717.

Por ocasião da visita do Papa João Paulo II ao Brasil, em 30 de junho de 1980, o então Presidente da República, General João Batista Figueiredo, promulgou a Lei Nº 6.802 “declarando feriado federal o dia 12 de outubro para o culto público e oficial a Nossa Senhora Aparecida”.

Dois anos depois, quando a Imagem foi transferida da Antiga Basílica para a Basílica Nova, começaram a ser realizadas as atividades religiosas no maior Santuário mariano do mundo.

No ano seguinte, 1983, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) declarou, oficialmente, a Basílica de Aparecida como Santuário Nacional.

Até hoje, três Papas visitaram o Santuário Nacional: João Paulo II, em 1980, Papa Bento XVI, quando abriu a V Conferência Episcopal Latino-americana e do Caribe em maio de 2007 , e papa Francisco em 2013, por ocasião das atividades da Jornada Mundial da Juventude, realizada no Rio de Janeiro.

Na ocasião da visita de João Paulo II, o Pontífice celebrou uma missa para mais de 300 mil pessoas, e realizou a sagração do Altar Central, concedendo o título de Basílica Menor ao Santuário de Aparecida. Como recordação, o Papa doou o Mosaico dos quatro evangelistas e do cordeiro, que está instalado na Capela do Santíssimo, localizada à direita do Altar Central.

João Paulo II em Aparecida
João Paulo II em Aparecida

Durante a segunda visita, o Papa Bento XVI rezou o Terço e presidiu a Santa Missa no Santuário.

Papa Bento XVI em maio de 2007
Papa Bento XVI em maio de 2007

Já em 2013, o Papa Francisco visitou o Santuário de Aparecida, onde celebrou um missa, ofereceu como presente um Cálice e rezou a Consagração de Nossa Senhora Aparecida. Essa foi à oficialização do novo texto da oração, rezada pela primeira vez com a inclusão de duas referências a Jesus Cristo.

Visita do Papa Francisco a Aparecida em 2013
Visita do Papa Francisco a Aparecida em 2013

Durante o mês de outubro, e principalmente no dia 12, dia de Nossa Senhora Aparecida, pessoas de todo o Brasil visitam o Santuário Nacional, que ganha destaque mundo a fora com os festejos e a grande manifestação de fé do povo brasileiro. Milhares de peregrinos já chegaram à Basílica neste ano em homenagem ao jubileu dos 300 anos de devoção a Padroeira.

Papa Francisco

Na última segunda-feira (9), o Papa Francisco enviou uma rosa de ouro ao Santuário como parte de uma homenagem ao jubileu. O objeto foi trazido do Vaticano pelo cardeal italiano Giovanni Battista Re, prefeito emérito da Congregação para os Bispos, que é o representante do líder da Igreja Católica durante as celebrações.

Dom Orlando Brandes, Arcebispo de Aparecida recebeu a rosa de ouro de Dom Giovanni Battista Re 
Dom Orlando Brandes, Arcebispo de Aparecida recebeu a rosa de ouro de Dom Giovanni Battista Re 

Esta é a terceira vez que o Santuário de Aparecida é presenteado com uma rosa de ouro. O primeiro a fazer o gesto foi Paulo VI, em 1967, seguido de Bento XV em 2007.

Paulo VI e a Rosa de Ouro
Paulo VI e a Rosa de Ouro

Dom Orlando Brandes, Arcebispo de Aparecida recebeu a honraria que representa a predileção do pontífice por personalidades, Santuários e o reconhecimento de fatos históricos, importantes para a Igreja. O artefato pesa cerca de um quilo e mede aproximadamente 50 centímetros.

Assim que chegou, Dom Giovanni Battista Re fez questão de visitar o nicho de Nossa Senhora Aparecida, onde rezou uma Ave Maria junto aos devotos que estavam visitando a Imagem.

O representante do papa preside a celebração eucarística neste dia 11 de outubro, e no dia 12, a Missa Solene.

Programação desta quarta-feira, dia 11

06H ALVORADA

07H MISSA

09H MISSA – MEMÓRIA DE TODOS OS ARCEBISPOS E BISPOS, MISSIONÁRIOS REDENTORISTAS, COLABORADORES VIVOS E FALECIDOS (TV APARECIDA, RA E A12.COM)

10H30 MISSA

12H MISSA

13H30 ORAÇÃO DO TERÇO JUBILAR

14H ACOLHIDA NO ALTAR CENTRAL

15H ORAÇÃO JUBILAR PELOS FIÉIS DEFUNTOS DA CAMPANHA DOS DEVOTOS

16H30 MISSA

18H30 ACOLHIDA ÀS ROMARIAS E AUTORIDADES

19H COROAÇÃO SOLENE E INAUGURAÇÃO DA CÚPULA DO SANTUÁRIO (TV APARECIDA, RA E A12.COM)

20H30 PROCISSÃO MEMÓRIA PARA O PORTO ITAGUAÇU


Estudantes de Poções apresentam projetos científicos em feira escolar de ciências

quarta-feira, 11 outubro, 2017

 

Os estudantes do Colégio Estadual Eurides Santana, localizado no município de Poções, apresentaram, nesta quarta-feira (11), 24 projetos científicos durante a IV Feira de Ciências da unidade escolar, que teve como tema “Poções, Bahia, Brasil: Espaço, Ambiente e Cultura”. A feira, aberta à comunidade, visa o incentivo à iniciação científica dos estudantes e os projetos apresentados buscam solucionar problemas existentes na sociedade.
Fotos: Divulgação
Segundo a diretora do colégio, Cleide Jane Sousa, as feiras escolares são essenciais para o aprendizado dos estudantes. “Nos estandes montados na feira, os estudantes têm a oportunidade de mostrar seus projetos científicos que objetivam dar um retorno à comunidade, pois são voltados para identificar e solucionar problemas de cunho social, ambiental, econômico e cultural”, destaca a gestora.
A estudante Bruna Palmeira, 16, 2º ano, apresentou com sua equipe o projeto “As nascentes do Rio das Mulheres: cuidar para não morrer”. “Nosso projeto visa sensibilizar a população sobre a importância da preservação das nascentes do rio localizado em nossa cidade. Além disso, ele propõe a criação de mecanismos para a revitalização das nascentes, exemplo de realização de palestras e participação de audiências públicas sobre a água”, informa.
 
Para Emilly de Jesus Oliveira, 16, também do 2º ano, a feira foi muito estimulante. Ela apresentou com seus colegas o projeto “Arborização no município de Poções – Bahia: divulgando o projeto Mangangá”. “O projeto tem o objetivo de arborizar a cidade e desenvolver o sentimento de identidade nos moradores em relação às árvores. O projeto irá beneficiar os moradores do município devido à necessidade de árvores nas vias públicas”, explica a estudante.
A feira também contou com apresentações de trabalhos do projeto estruturante Juventude em Ação, que foram desenvolvidos por estudantes do 3º ano do colégio. Os trabalhos foram apresentados em forma de palestra para o público presente, a exemplo do “Setembro Amarelo: suicídio não é apendas em setembro” e “Mundo da Leitura: Biblioteca Comunitária no Povoado de Morrinhos”.

Grupo de Trabalho inicia medidas para implantação de Colégio Militar em Cajazeiras

quarta-feira, 11 outubro, 2017

Foi realizada, nesta segunda-feira (9/10), a primeira reunião do Grupo de Trabalho (GT), criado pela Secretaria da Educação do Estado, para definir as medidas para a transição do Colégio Estadual Dona Leonor Calmon, localizado em Cajazeiras, em uma nova unidade do Colégio da Polícia Militar (CPM). O objetivo é produzir, no prazo de 30 dias, um relatório técnico sobre o estudo das medidas necessárias para a implementação, considerando questões de ordem territorial, logística, pessoal e financeira.

Formada por sete membros, o GT conta com a coordenação do superintendente de Políticas para a Educação Básica do Estado, Ney Campello, e com a participação do major Copérnico, representante da diretoria de ensino do CPM. “A partir desta data estamos realizando várias medidas para providenciar todos os trâmites para a incorporação da unidade pelo CPM, seja na rede física, no processo de matrícula ou na integração das equipes de ensino. É importante ressaltar que todos os funcionários serão mantidos na unidade, incluído a gratificação de difícil acesso, com exceção para aqueles que solicitarem remoção”, destacou Campello.

Com início programado para funcionar no primeiro semestre de 2018, o Colégio da Polícia Militar Dona Leonor Calmon vai continuar mantendo todos os alunos que estudam na unidade até finalizarem suas formações. “A mudança será para o acesso de novos estudantes que vão precisar passar pelo processo de matrícula do CPM, via sorteio eletrônico. A nossa expectativa é que metade das novas vagas sejam para moradores do bairro de Cajazeiras, já que a unidade, atualmente, tem uma ociosidade de 300 vagas”, declarou o superintendente.

Ainda de acordo com Campello, os atuais alunos não terão a obrigatoriedade do uniforme completo do CPM no primeiro ano de implantação do colégio. “Não queremos criar um custo adicional aos pais, por isso já na primeira reunião fizemos esse acordo para que os estudantes tivessem um ano para se adaptar a essa exigência”, explicou o superintendente, que finalizou: “Esperamos com esse GT realizar da forma mais tranquila essa mudança, sempre com a finalidade de beneficiar a comunidade escolar da nossa rede estadual”

http://escolas.educacao.ba.gov.br/noticias/grupo-de-trabalho-inicia-medidas-para-implantacao-de-colegio-militar-em-cajazeiras