‘Governo não tem interesse em interferir no PMDB’, afirma Dilma

Jornal do Brasil

O recado da presidente é uma resposta aos rumores de que o governo estaria tentando reverter a destituição do deputado Leonardo Picciani (PMDB-RJ) da liderança do partido na Câmara. Picciani é aliado de Dilma e vinha articulando para que a Comissão Especial que analisará o pedido de impeachment da chefe do Executivo fosse composta apenas por peemedebistas que são contra o impedimento.

Dilma: PSDB é "base" do impeachment
Dilma: PSDB é “base” do impeachment

Dilma disse, ainda, que a “base” do pedido de impeachment aceito pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), é o PSDB. A declaração vai ao encontro das últimas movimentações do Planalto, de não promover ataques ao PMDB e muito menos a Temer. O vice-presidente, que é presidente nacional do PMDB, deu sinais de que não quer que o governo tente ditar os rumos de seu partido.

“Não é nenhuma novidade. Não é possível que os jornalistas aqui presentes tenham ficado surpreendidos. Aliás, a base do pedido e das propostas do presidente da Câmara é o PSDB, sempre foi. Ou alguém aqui desconhece esse fato? Porque se não fica uma coisa meio hipócrita da nossa parte. Nós fingimos que não sabemos disso”, disse a presidente, ao ser indagada sobre o encontro de tucanos, com a presença do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, nesta quinta-feira (10).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s