FHC diz que governo Temer é “pinguela” e alerta para “onda de direita”

Jornal do Brasil

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso comentou o momento político e econômico do país, e alertou sobre os riscos de uma virada à direita do país. “Acho que é preciso tomar cuidado. No Brasil, neste momento, está havendo uma onda de direita, de verdade, e eu sou contra. Uma coisa é você ser contra os desvios do PT, outra coisa é apoiar a onda de direita, a bancada da bala (…) Acho que não precisa entrar nessa onda direitista do ponto de vista de costumes, isso é delicado. A própria estrutura da família mudou. A família hoje é uma coisa diferente do que era antes”, opinou, em entrevista publicada no domingo (9) no “Correio Braziliense”.

FHC comparou o governo do presidente Michel Temer a uma “pinguela” e pediu que sejam feitas as reformas para que o Brasil chegue em condições melhores às eleições de 2018. “Defino o governo atual como uma pinguela, que é algo precário e pequeno, mas, se ela quebrar, você cai no rio e é melhor ir para o outro lado. O outro lado é a eleição de 2018”, analisou.

0968
FHC diz que governo Temer é “pinguela” e alerta para “onda de direita”
O ex-presidente defendeu ainda a urgência de reequilibrar a economia, inclusive com medidas impopulares. “A minha preocupação maior é: será que o governo vai ter capacidade de definir o caminho da economia? Acredito que eles estão começando a definir caminhos. Temos que tomar medidas drásticas e impopulares”, afirmou, acrescentando: “O Brasil passa por uma tremenda crise fiscal. Olha que eu peguei pepinos grandes, mas, desse tamanho, eu nunca vi. E o governo Temer já tem definido o seu caminho, mas as pessoas não sabem. Tem de explicar, falar.”

FHC ainda comentou sobre a Lava Jato, afirmando que os maiores problemas do Brasil são “o corporativismo, o clientelismo e a corrupção”, mas destacou a crise: “Nunca vi uma paralisia econômica por tanto tempo no Brasil, uma falta de esperança tão grande. E isso, obviamente, produz efeitos, juntando isso com a paralisação das instituições, com a crise moral”.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s